quinta-feira, 27 de junho de 2019

Encontro com Margarida Fonseca Santos e a ilustradora Carla Nazareth




Numa iniciativa da Associação de Pais e EE da Escola Inês de Castro, no passado dia 5 de junho, tiveram lugar, na Biblioteca Escolar, duas Oficinas de Escrita Criativa, dinamizadas pela bem conhecida escritora Margarida Fonseca Santos. A primeira sessão foi dirigida a alunos de 5.º e 6.º ano, destinando-se a segunda a alunos dos 7.º e 8.º anos.
Todos os intervenientes nestas Oficinas haviam já anteriormente participado nos Desafios de Escrita Criativa promovidos pela Biblioteca Escolar, fazendo agora deste tão desejado encontro com a escritora um balanço muitíssimo positivo e a confirmação de que «escrever pode ser mesmo bom!».
No mesmo dia, os alunos do 9.º ano puderam participar em divertidas e desafiantes Oficinas de Ilustração dinamizadas pela ilustradora Carla Nazareth, que convidou os alunos a produzirem trabalhos fantásticos a partir da simples audição de uma música...
Igualmente na tarde do dia 5 de junho, numa articulação entre a Associação de Pais e EE e a Biblioteca Escolar, teve lugar, na Feira Cultural de Coimbra, a apresentação da obra Razões para Escrever, o mais recente livro de Margarida Fonseca Santos. Esta iniciativa contou com a calorosa presença de antigos alunos e alunos da escola, pais, encarregados de educação e familiares, tendo terminado com uma sessão de autógrafos.
De 1 a 10 de junho, a Feira Cultural de Coimbra foi igualmente espaço para um feliz encontro de ex-alunos, alunos, pais e encarregados de educação da Escola Inês de Castro, em animadas sessões de partilha de leituras, desenvolvidas em torno de textos escritos ao longo dos Desafios de Escrita Criativa realizados no ano letivo que agora termina e no ano letivo de 2017/18.
O resultado não poderia ter sido mais gratificante...

quarta-feira, 26 de junho de 2019

«LER para SER»





Sob o lema «MERGULHAR NA LEITURA», ao longo do mês de março, numa articulação entre a Biblioteca Escolar Inês de Castro e docentes dos Departamentos de Educação Pré-escolar, Expressões, Ciências Experimentais e Línguas, tiveram lugar diversas iniciativas, no âmbito da promoção da leitura e educação ambiental, as quais envolveram a participação de perto de 600 alunos.
Iluminados pela poesia de Sophia de Mello Breyner Andresen e pela magia da reconstituição de um recife de coral em croché, as crianças dos JI do AECO visitaram a exposição dos seus espantosos trabalhos sobre o mar, ouviram atentamente a história O Voo do Golfinho, de Ondjaki, e dramatizaram (maravilhosamente!) O Médico do Mar, de Leo Timmers; por sua vez, os alunos do 6.º ano mergulharam no «Mundo Brilhante» da leitura de Os Piratas, de M. António Pina, os alunos do 7.º ano, na leitura de Leandro, Rei da Helíria, de Alice Vieira, e os alunos do 8.º ano, na obra Aquilo que os Olhos Veem ou o Adamastor, de M. A. Pina. Quanto aos alunos do 5.º ano, coube-lhes o privilégio de conhecer, pela mão do escritor, apicultor e magnífico comunicador Paulo Santos, as aventuras da abelha «Cuscas».
Foram estimulantes e proveitosos mergulhos na leitura, de que deixamos aqui apenas alguns salpicos